Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 9
Data de inscrição : 08/05/2018
Ver perfil do usuáriohttp://livrodfhforumeiros.com

[DFH] Estatuto Oficial

em Qua Maio 09, 2018 1:06 am
Estatuto Oficial do Departamento Federal Habbiana ©

Capítulo 01 - Regras Gerais ® 

Neste capítulo serão descritas as principais regras que irão reger a convivência diária dos policiais do Departamento de Segurança Policial na competência de seus atos e postura. Todos os policiais devem concordar automaticamente com as regras estabelecidas, se não, poderá sofrer punições. Os âmbitos assegurados por essas regras se estendem da base para quaisquer rede social existente. Dessa forma, se assegura a proteção e o constante respeito por parte dos policiais para com seus colegas de trabalho e associados.

Qualquer caso que contraste com as regras aqui descritas deverá ser encaminhado diretamente para a Corregedoria, sendo proibido a divulgação da denúncia em redes sociais, visto que tal medida expõe o réu, transformando-o em vítima.

ARTIGO 01: O não conhecimento de qualquer regra aqui citada não acarreta na isenção da responsabilidade do policial por seu ato cometido.

ARTIGO 02: O Departamento de Segurança Policial se compromete em seguir as diretrizes de segurança impostas pela Sulake (empresa detentora do Habbo Hotel) e portanto impõe que seus funcionários estejam em dia com todas as normas expostas na Habbo Etiqueta.

ARTIGO 03: Todos os habbos que mantêm qualquer vínculo de trabalho com a empresa DFH se compromete a seguir suas diretrizes e regras descritas aqui neste documento.

ARTIGO 04: Todos os integrantes do Departamento DFH devem manter o máximo respeito com seus colegas de trabalho e até mesmo com os demais habbos existentes no jogo. A falta de respeito/educação, ofensas e qualquer atitude considerada negativa moralmente será punida com rigor pelo corpo de Superiores.

ARTIGO 05: É extremamente proibido que os policiais estejam no modo offline, ou seja, no modo que impede a visualização da última hora de login. Tal medida possui a isenção dos policiais do Comando. A punição para tal ato será a de imediato rebaixamento, sem permissão de recorrer.

ARTIGO 06: Sendo o Departamento de Segurança Policial um trabalho caracterizado como militar, é necessário que exista a fidelidade para com a empresa. Portanto, impõe-se a necessidade de ser apenas um policial filiado à nós. Qualquer policial flagrado com o grupo de outra empresa será demitido sem aviso prévio.

ARTIGO 08: Ao iniciar seu turno de trabalho, o policial deve estar com todos os requisitos solicitados para sua patente em dia. Ou seja, com sua missão, farda e grupos devidamente arrumados. Certifique-se antes da entrada em base, pois caso entre incorretamente, será avisado e kikado. Caso o ato seja constantemente repetido, poderá acarretar em punições maiores.

ARTIGO 09: É proibido o uso de duas contas diferentes que trabalham na DFH. Ou seja, possuir dois habbos ao mesmo tempo em nossa empresa caracteriza-se como falsificação de identidade. A punição para tal ato é a demissão da conta de menor patente e uma advertência escrita na conta restante.

ARTIGO 10: A regra básica de qualquer polícia: vida real em primeiro lugar. Nunca extrapole seu limite de tempo por conta do Departamento Federal Habbiaba (DFH). Suas obrigações reais sempre serão mais importantes que as obrigações com nosso Departamento. Entretanto, é solicitado aos senhores bom senso na hora de adentrar em funções ou assumir responsabilidades momentâneas (como dar aula), para que ao sair, não acabe prejudicando terceiros.

ARTIGO 11: Os militares poderão se aposentar desde que sejam da patente de Diretor-Geral para cima e que tenha prestado pelo menos 3 meses de serviço ao Departamento de Segurança Policial. O requerimento da aposentadoria pode ser feito a um membro do Comando.

ARTIGO 12: A Corregedoria e a mais alta instância do poder judiciário do Departamento de Segurança Policial.

CAPÍTULO 02 - Hierarquia ®

Neste capítulo serão descritos as patentes que compõem a Hierarquia Militar do Departamento de Segurança Policial, suas divisões, cores de uniforme, entre outras atribuições.

ARTIGO 01: A Hierarquia é a base da cadeia de comando do Departamento DFH. Isso significa que as patentes inferiores devem total obediência às regras e às ordens impostas pelos seus superiores. Atenha-se ao fato de que tais ordens não podem lhe obrigar a fazer algo que não conspira com sua base ideológica e moral. Caso seja vítima de abuso de poder, procure a Corregedoria ou algum Superior.

ARTIGO 02: A Hierarquia Militar do Departamento de Segurança Policial é:

- Soldado
- Cabo
- Sargento
- Subtenente
- Oficial 
- Tenente
- Capitão
- Major
- Tenente-Coronel
- Coronel
- General
- Marechal
- Comandante

- Inspetor
- Supervisor
- Vice.Diretor 
- Diretor
- Chanceller
- Assessor da Presidência
- Vice-Presidente
Presidente
- Aux.Fundação
- Fundador
- Aux.Supremio
- Supremio
- Dono

ARTIGO 03: Os grupos hierárquicos do Departamento de Segurança Policial foram divididos, como: Fundação, Presidência, Diretoria, Oficiais Superiores, Oficiais Inferiores e Praças Especiais. Sua divisão tem-se como objetivo uma melhor noção dos níveis hierárquicos.

ARTIGO 04: Todos os policiais devem seguir as formas de tratamento dentro do Departamento DFH. Variações são permitidas, desde que o policial tenha respeito com seu inferior/superior.

CAPÍTULO 03 - Ordem dos Treinamentos ®

Neste capítulo serão abordados todos os treinamentos existentes dentro do Departamento de Segurança Policial e quem pode aplicar os devidos treinamentos. É obrigatório que os treinos sejam aplicados na ordem descrita abaixo.

ARTIGO 01: Listagem dos Treinamentos:

- TP - Treinamento Policial: é realizado quando recruta. Subtenente que for Guia ou superior podem aplicar o treinamento. O objetivo é ensinar o trabalho básico do Departamento DFH.

Os treinamentos abaixo necessitam de permissão da direção, liderança de Guias e/ou do O.C (Oficial de Comando) para serem aplicados.

- TC - Treinamento de Cabo: é realizado quando Cabo. Subtenente que for Guia ou superior podem aplicar o treinamento. O objetivo é instruir os cabos acerca do manuseio das alavancas e um pouco mais do Departamento DFH.

- TS - Treinamento de Sargento: é realizado quando Sargento. Aspirante que for guia, A.G ou superior aplicam o treinamento. O objetivo é ensinar os Sargentos sobre novos comandos e postos dentro do Departamento DFH.

[G] - Treinamento de Guias: é realizado quando Subtenente. Formadores de Guias podem aplicar o treinamento. O objetivo é preparar os Subtenentes para se tornarem Guias.

- [A.G] - Treinamento de Auxiliar de Guia: é realizado quando Aspirante. Formadores de Guias podem aplicar o treinamento. O objetivo é preparar os Aspirantes para auxiliar os Guias nos treinamentos.

- T1 - Treinamento de Aspirante: é realizado quando Aspirante. Major que for Guia ou superior podem aplicar o treinamento. O objetivo é ensinar sobre alguns comandos da base.

- T2 - Treinamento de Oficial: é realizado quando Oficial. Major que for Guia ou superior podem aplicar o treinamento. O objetivo é aprofundar nas funções dos comandos da base.

- T3 - Treinamento de Tenentes: é realizado quando Tenente. Tenente-Coronel que for Guia ou superior podem aplicar o treinamento. O objetivo é acerca das promoções e aprofundamento na postura dos tenentes em base.

- <TOC> - Treinamento de Orientação para Capitão: é realizado quando Capitão. General que for Formador de Guia ou superior podem aplicar o treinamento.

- <TO> - Treinamento de Ortografia para Tenente-Coronel: é realizado quando Tenente-Coronel. Inspetor que for formador de guia ou superior podem aplicar o treinamento.

- <TCM> - Treinamento de Conclusão para Marechal: é realizado quando Marechal. Apenas diretores, lideranças de Guias e/ou superior podem aplicar o treinamento. Treinamento final do grupo de militares, o treino é primordial para se tornar superior dentro do Departamento DFH.

ARTIGO 02: Ao concluir o treinamento, o policial deve acrescentar em sua missão a sigla do treino, dessa forma: [Sigla-Tópico/Página]. Exemplo: João123 é um Cabo que aprovou no TC. Sua missão é: [DFH] Cabo [TC-Tópico/Página]

CAPÍTULO 04 - Promoções ®

Neste capítulo serão abordadas todas as regras que regem o sistema de promoções do Departamento de Segurança Policial. Qualquer infração cometida aqui, será averiguada pelos Supervisores de Promoção e após comprovado o caso, poderá resultar em punições perante os SP’s.

ARTIGO 01: Há requisitos para serem cumpridos em cada promoção. Além dos dias mínimos de acordo com a patente, o policial deve conter o(s) treinamento(s) da patente concluído(s). O promotor também deve ter consciência que o policial promovido demonstrou-se apto para alcançar uma nova patente no Departamento DFH., cumprindo com suas obrigações e como recompensa, uma promoção.

ARTIGO 02: Requisitos mínimos:

Soldado - Cabo:

Realizar bons alistamentos; Ter uma ortografia apresentável; Ser respeitoso com os superiores e novatos na polícia.

Cabo - Sargento:

Ter boa ortografia; Saber manusear as alavancas; Respeitar os seus inferiores e superiores igualmente; Ter completado 12 horas como Cabo a partir da conclusão do TC (Treinamento de Cabos).

Sargento - Subtenente:

Ter boa ortografia; Trabalho satisfatório no comando da recepção, com proatividade e paciência; Respeitar os seus inferiores e superiores; Ter completado 2 dias como sargento a partir da aprovação no TS (Treinamento de Sargentos).

Subtenente - Aspirante:

Ter boa ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Se tornar Guia; Ter aplicado no mínimo 3 treinamentos.

Os cargos abaixo são promovidos aos sábados através da lista semanal que é anunciada após a reunião semanal que ocorre às 17h00 BR / 21h00 PT. Os superiores (Inspetor até Coordenador-Geral) devem participar desta reunião.

Aspirante - Oficial:

Ter uma boa ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Ter sido aprovado no T1 (Treinamento de Aspirantes); Bom trabalho no comando das alavancas; Exercer corretamente a função de O.G (Oficial de Guarda); Ter completado 6 dias como Aspirante a partir da promoção; ser A.G (Auxiliar de Guia).

Oficial - Tenente:

Ter uma boa ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Ter sido aprovado no T2 (Treinamento de Oficiais); Bom trabalho nos comandos centrais O.B e O.G (Oficial de Base & Oficial de Guarda); Ter completado 7 dias como Oficial a partir da promoção.

Tenente - Capitão:

Ter uma boa ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Ter sido aprovado no T3 (Treinamento de Tenentes); Bom trabalho nos comandos centrais O.B, O.G (Oficial de Base & Oficial de Guarda) e principalmente O.C (Oficial de Comando); Ter realizado no mínimo 3 promoções; Ter completado 8 dias como Tenente a partir da promoção.

Capitão - Major:

Ter uma boa ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Ter sido aprovado no <TOC> (Treinamento de Orientação para Capitão); Bom trabalho nos comandos centrais; Ter completado 9 dias como Capitão a partir da promoção.

Major - Tenente-Coronel:

Ter uma excelente ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Bom trabalho em base; Ter aplicado 5 treinamentos e realizado 5 promoções; Ter completado 10 dias como Major a partir da promoção.

Tenente-Coronel - Coronel:

Ter uma excelente ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Bom trabalho em base; Ter sido aprovado no <TO> (Treinamento de Ortografia para Tenente-Coronel); Ter completado 12 dias como Tenente-Coronel a partir da promoção.

Coronel - General:

Ter uma excelente ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Bom trabalho em base; Ter realizado 7 treinamentos e feito 8 promoções; Ter completado 14 dias como Coronel a partir da promoção.

General - Marechal:

Ter uma excelente ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Bom trabalho em base; Ter realizado 10 treinamentos e 12 promoções; Ter completado 16 dias como General a partir da promoção.

Marechal - Inspetor:

Ter uma excelente ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Bom trabalho em base; Ter sido aprovado no TCM (Treinamento de Concluso para Marechal); 18 dias como Marechal a partir da promoção.

Inspetor - Inspetor-Chefe:

Ter uma excelente ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Bom trabalho em base; Se ativo; 10 dias como Inspetor a partir da promoção.

Inspetor-Chefe - Coordenador:

Ter uma excelente ortografia; Respeitar os seus inferiores e superiores; Bom trabalho em base; Se mega ativo; 15 dias como Inspetor-Chefe a partir da promoção.

Coordenador - Coordenador-Geral:

Decisão encarregada para a diretoria do Departamento DFH.

Coordenador-Geral - Diretor:

Decisão encarregada para a Presidência & Fundação do Departamento DFH.

ARTIGO 03: Limitações de promoções por patente:

Tenentes promove até Aspirante;

Capitães promove até Oficial;  

Majores promove até Tenente;

Tenente-Coronel promove até Capitão;

Coronel promove até Major;

General promove até Tenente-Coronel;

Marechal promove até Coronel;

Superiores (Inspetor, Inspetor-Chefe, Coordenador e Coordenador-Geral) promovem até Marechal;

CAPÍTULO 05 - Cargos Executivos ®

Neste capítulo serão descritos os valores para compras de cargos e suas equivalências, vale ressaltar que existem divisões hierárquicas na hierarquia paga que serão descritas abaixo.

ARTIGO 01: Equivalências e preços:

Sócio: 5c. Equivale a Cabo.

Agente: 10c. Equivale a Sargento.

Policial: 15c. Equivale a Subtenente.

Delegado: 18c. Equivale a Aspirante.

Espião: 22c. Equivale a Oficial.

Advogado: 30c. Equivale a Tenente.

Juiz: 45c. Equivalente a Capitão.

Analista: 70c. Equivale a Major.

Embaixador: 130c. Equivale a Tenente-Coronel.

Vip: 200c. Equivale a Coronel.

Staf: 270c. Equivale a General. 

Escrivão: 390c. Equivale a Marechal.

Desembargador: 440c. Equivale a Inspetor.

Administrador: 550c. Equivale a Inspetor-Chefe.

Executivo: 690c. Equivale a Coordenador.

Líder Executivo: 840c. Equivale a Coordenador-Geral.

Comissário: 980c. Equivale a Diretor.

Idealizador: 1k e 800c. Equivale a Assessor da Presidência.

Chanceler: 2k e 800c. Equivale a Vice-Presidente.

ARTIGO 02: Todos os cargos pagos devem realizar os mesmos treinamentos que os da hierarquia militar.

ARTIGO 03: Os cargos pagos são de extrema importância para o Departamento DFH. Os uniformes estão disponibilizados na parte de fardamento no fórum oficial da empresa. Vale ressaltar que a partir de Desembargador (Inspetor) o uniforme é livre, porém, em formalidade.

ARTIGO 04: Somente policiais que estão no grupo: ''Vendedores de Cargos ®'' do Departamento DFH são autorizadas a vender cargos.

CAPÍTULO 07 - Quartel General ®

Neste capítulo será introduzido o Quartel-General do Departamento de Segurança Policial. Seus setores e comandos, as regras gerais que devem ser seguidas enquanto estiver nele e demais informações. É notório que nenhum policial é obrigado a permanecer em QG (base) enquanto estiver no Habbo Hotel, porém, a sua frequente ausência e recusa de chamadas pode ocasionar em punições por parte dos superiores.

ARTIGO 01: Regras Gerais:

- Todo usuário que se juntar no Departamento DFH., automaticamente deve concordar com todos as regras gerais impostas pela Habbo Etiqueta. Um dos exemplos é não responder insultos com insultos. Ignore-o;

- Todo policial deve conter grupo, missão e uniforme correspondentes à seu cargo devidamente organizados ao entrar em base;

- Palavrões, insultos ou qualquer tipo de palavras de baixo calão não serão tolerados em base. O respeito deve ser mútuo e constante em base;

- É extremamente proibido quaisquer tipos de gracinhas ou badernas. Levantar placas e utilizar emoticons também é proibido em base;

- É proibido floods ou spams não só em base, como em outros quartos do Habbo. Modere-se;

- Mantenha sempre a educação, usando os pronomes de tratamento corretos e a devida formalidade que o recinto pede;

- Recordem-se do uso do negrito sempre, é obrigatório;

- Não fiquem parados em locais de passagem, atrapalhando-a. Sempre estejam nos postos corretos, evitando assim transtornos em base;

- É permitido o uso de hashtags em sua missão escrevendo algo, desde que não seja palavras de baixo calão. Exemplo de missão que é permitido: [DFH] Major [Tópico/Página] [G] #MelhorPolícia

ARTIGO 02: Setores e Comandos:

Centro: É o centro da base. Os policiais devem ficar sentados organizadamente lá, quando não tem nada para fazer no momento e aguardando setores ficarem vagos. Nele também existe os três comandos centrais que serão descritos a seguir.

Oficial de Base (O.B): O Posto possui um tapete vermelho em sua frente. É assumido por Oficial com <T2> acima. É responsável por auxiliar os policiais novatos na recepção, retirando dúvidas, averiguando erros e elogiando. Também presta auxílio ao comando da recepção quando necessário. O oficial de base aplica os comandos na ausência do O.C.

Recepção: Local onde os policiais alistam novos recrutas para o Departamento DFH.

Oficial de Guarda (O.G): O posto possui um tapete amarelo em sua frente. É assumido por Aspirantes com <T1> acima. O Oficial de Guarda é responsável por cuidar da organização do pátio, preenchimento das alavancas e também presta auxílio ao comando das alavancas quando necessário. 

Oficial de Comando (O.C): O posto possui um tapete azul em sua frente. É assumido por Tenentes com <T3> acima. O posto não precisa de direitos. O Oficial de Comando é responsável pela administração geral da base e tem permissão para interferir em qualquer setor. Este posto também é responsável por aplicar comandos, como SENTIDO e/ou ATENÇÃO.

Sala de Alavancas: Setor responsável pelo conferimento e entrada dos Soldados, Cabos e Sargentos para base. Nele, há três alavancas e um auxiliar das alavancas.

Alavanca Primária (A1): É assumido por Cabos aprovados no TC acima. É responsável por conferir soldados, cabos e sargentos que passam pelas alavancas, observando missão, uniforme, emblema e balão de fala. Caso algo esteja de errado, deverá corrigir o policial, estando atento em tudo e evitando a entrada de intrusos.

Alavanca Secundária (A2): É assumido por Cabos aprovados no TC acima. É responsável por conferir no fórum se os policiais (soldados, cabos e sargentos) constam no fórum ou não. É necessário extrema atenção e agilidade do policial que for assumir, para evitar transtornos.

Alavanca Terciária (A3):  É assumido por Cabos aprovados no TC acima. É responsável por conferir os recrutas, analisando missão, uniforme, emblema e balão de fala.

Auxiliar das Alavancas: É assumido por Subtenentes acima. É responsável por auxiliar a Alavanca Primária, Secundária e Terciária. Além disso, aplica o comando sentido a sala de alavancas quando estiver pouca movimentação para treiná-los. Utiliza o balão de fala cinza.

Alavanca de Recrutas: Setor designado para os novos Recrutas do Departamento de Segurança Policial ficarem sob a tutela de um policial, sendo: Cabos com TC acima.

Sala de Comandos: Local designado para a aplicação de promoções, punições do Departamento de Segurança Policial. Além disso, é utilizado para conversar com policiais de como está seu andamento no Departamento DFH e treiná-los.

Sala de Ausência: Local designado para o descanso dos policiais que estejam trabalhando. Além disso, é usado para a postagem de relatórios, entre outras atividades da polícia que requerem uma atenção exterior a base. É necessário a permissão do Oficial de Guarda ou de Comando antes de entrar nela.

Sala Vip: Local designado para a presença de cargos pagos, superiores, convidados ou até mesmo funcionários de empresas aliadas. Geralmente nele os policiais estarão ausentes, resolvendo algo ou observando o andamento da base.

CAPÍTULO 08 - Comandos ®

Os comandos do Departamento DFH, são: Sentido, À Vontade, Apresentar Armas e Apresente-se.

Sentido: É anunciado pelo Oficial de Comando quando a maior patente entra em base, em sua ausência, é anunciado pelo Oficial de Base. Pode ser anunciado por membros da Presidência e/ou Fundação. Durante o sentido, é extremamente importante permanecer estático evitando falar, mostrar balões de fala e fazer movimentos como dançar, acenar etc.

À Vontade: É anunciado pelo policial receptor do Sentido ou pelo Oficial de Comando/Base que aplicou o Atenção após o término do anúncio. É importante frisar que todos devem retornar imediatamente às suas obrigações assim que o comando seja dado.

Apresentar Armas: Geralmente, é aplicado como uma forma de punição. Além disso, pode ser aplicado para treinar os policiais durante o comando Sentido. O policial deve estar em posição de Sentido e começar a acenar sem parar e sem deixar os braços caírem. Depois disso, é aplicado o comando Sentido e em seguida, À Vontade.

Apresente-se: O comando é anunciado pelo superior quando quer promover um policial.

CAPÍTULO 09 - Ausências e Aval ®

ARTIGO 01: Limites de Ausência:

- Os Soldados possuem a permissão de se ausentar o tempo que for necessário do Habbo Hotel. Porém, soldados com mais de três meses depois de realizar a aula, terá que refazê-lo;

- Os Cabos e Sargentos podem 07 dias ausentes do Habbo Hotel. Com 08 dias, é demissão sem aviso prévio;

- Sub-Tenentes acima podem ficar 05 dias ausentes do Habbo Hotel sem aval concedido. Com 06 dias, é demissão sem aviso prévio;

- Inspetores acima podem ficar 04 dias ausentes do Habbo Hotel sem aval concedido. Com 05 dias, é demissão sem aviso prévio;

ARTIGO 02: Sargentos acima podem solicitar avais. Os avais são concedidos pela Direção e é necessário motivos plausíveis, sendo: Viagem, problemas pessoais, estudos, trabalho, problemas com conexão da internet ou problemas com o computador. Durante aval, o policial pode entrar no Habbo, desde que não compareça em base.

CAPÍTULO 10 - Direitos ®

ARTIGO 01: Não são todos os policiais que estão aptos para receber direitos. Os direitos são entregues aos Capitães acima que possuem confiança da Presidência/Fundação.  

ARTIGO 02: Direitos administrativos em Cabos e Sargentos são entregues aos Generais acima. Direitos administrativos em Praças Especiais e Subtenentes são entregues aos Marechais acima. Os outros grupos, são entregues aos Inspetores acima. 

ARTIGO 03: É extremamente proibido pedir direitos, seja em base ou administrativo. Caso ocorra, o policial pode ser punido. Em casos graves, é rebaixamento.

ARTIGO 05: Os policiais que abusarem dos seus direitos serão punidos com a imediata retirada deles e outras possíveis punições adicionais.

Abusos de direitos em base serão caracterizados como:

- Kickar ou banir outros usuários sem motivo aparente;

- Ameaçar de kick ou banimento com o objetivo único de intimidação;

- Movimentar as mobílias da base sem a real necessidade;

- Entre outras ações que possam ser prejudiciais aos policiais ou Departamento DFH..

Abusos de direitos administrativos serão caracterizados como:

- Dar ADM para qualquer policial;

- Aceitar usuários que não constam de propósito;

- Remover policiais dos grupos;

- Remover ADM dos policiais sem permissão.

CAPÍTULO 11 - TCC ®

O Trabalho de Conclusão de Cargo (TCC) é essencial para avaliação dos Marechais, para verificar se realmente estão preparados para novos desafios.

ARTIGO 01: O TCC deve conter:

Introdução: Nela, o policial deve descrever uma prévia do que será abordado ao longo de seu TCC.

Desenvolvimento: Nele, o policial irá descrever com detalhes e clareza de ideias os TRÊS projetos que são solicitados para a conclusão do seu TCC.

Conclusão: Nela, o policial irá concluir seu projeto, abordando em resumo suas considerações finais sobre seu(s) projeto(s) apresentado(s). Se for necessário, pode acrescentar pontos negativos e positivos.

ARTIGO 02: O policial pode realizar no máximo três projetos em um só TCC. Uma boa ortografia é essencial para que seu projeto seja aprovado, além de um bom conhecimento e criatividade.

 CAPÍTULO 12 - Pagamento e Gratificações ®

O pagamento é uma forma de agradecimento e recompensa ao serviço prestado por todos os policiais que lutam pelo crescimento do Departamento DFH. colaborando e ajudando. É fundamental frisar que todos que comparecerem irão receber, portanto, esteja uns minutos antes do horário do pagamento para que consiga receber.

ARTIGO 01: O pagamento ocorre três vezes por semana (segunda, quarta e sexta), 12h, 17h e 20h (horário de Brasília). O local de encontro é em base. O policial que não comparecer, infelizmente, não poderá receber. Policiais que estiverem aplicando algum treinamento no momento do pagamento, deverá tirar print mostrando data e horário e enviar para o policial responsável pelo pagamento.

ARTIGO 02: As gratificações é o melhor método para aumentar o seu salário, não importa a patente/cargo (Cabos acima). As gratificações é aplicado pelos policiais superiores a você que observaram seu trabalho e perceberam que é destaque e merece uma gratificação. Além disso, é dado aos policiais que ganham treinos (agilidade, conhecimento, etc), participam de palestras (apenas não-oficiais) e são destaque em rondas. O mínimo de gratificações são cinco. Cada 5 gratificações, aumenta 3c de seu salário.

ARTIGO 03: Como Subtenentes acima já podem realizar treinos, efeitos lota-lotas e rondas, o policial já pode gratificar o ganhador/destaque de sua certa atividade. Gratificações por bom trabalho prestado apenas Subtenentes acima podem aplicar aos Cabos acima. Ou seja: Seu superior pode dar-lhe uma gratificação por um bom trabalho prestado.



CAPÍTULO 13 - Readmissões ®

Readmissão é o retorno do policial que antes obtinha alguma patente nele com a devolução de algum cargo e portanto, sem necessidade de se alistar novamente.

ARTIGO 01: A patente mínima para solicitar readmissão é Tenente. O prazo máximo para solicitar readmissão é cinco meses. Inspetores acima é um caso a ser tratado com a Direção/Presidência.

ARTIGO 02: Funcionários que foram demitidos só retornam alistando-se novamente.

ARTIGO 03: Policiais que se demitiram e desrespeitarem as Regras Disciplinares, a readmissão não é aceita. Casos graves podem resultar em exoneração.

ARTIGO 04: Policiais que se demitiram para ir para outra polícia só retornam se solicitarem readmissão em até três semanas.

CAPÍTULO 14 - Funções ®

Às funções são de extrema importância para o Departamento DFH. Para que podemos formar militares capacitados, exemplares, competentes e profissionais. O trabalho de cada função é essencial para o bom funcionamento Departamento DFH.

ARTIGO 01: Todo sábado é realizado uma reunião com os líderes de cada função para saber os destaques de cada função, resultando nos melhores da semana. É obrigatório a presença do Líder, caso haja imprevistos, o Vice-Líder deve estar presente.

ARTIGO 02: Cada policial pode ser membro de no máximo três funções extras, exceto Guias. O policial pode ser também de qualquer serviço de inteligência e sub-funções, não há limite. É importante a consciência de cada policial sobre o peso de cada função, o policial deve estar disposto e preparado para se dedicar em cada função que está.

ARTIGO 03: Um policial que seja líder de uma função extra, pode ser Líder de mais uma. O policial também pode ser líder de qualquer sub-função, desde que esteja preparado para resolver assuntos e se dedicar em todas suas funções.

ARTIGO 04: As funções são divididas em: Funções extras, sub-funções e serviço de inteligência. Abaixo está todas funções, com sua hierarquia, cor da estrela, quem pode participar e suas responsabilidades resumidamente.

Funções extras:

[size=15]Guias (obrigatória) - Estrela Amarela. Subtenentes acima podem participar. Responsáveis por aplicar treinamentos dentro da Departamento DFH.[/size]

[size=15]Hierarquia dos Guias:[/size]

[Ag] Ajudante de Guia
[G] Guia
[Fg] Fiscal dos Guias
[Cg] Coordenador dos Guias
[A.Lg] Auxiliar da Liderança dos Guias
[V.Lg] Vice-Líder dos Guias
[Lg] Líder dos Guias

[size=15]Tutores de Cargos Pagos - Estrela roxa. Tenentes acima podem participar. Responsáveis por aplicar treinamentos para os cargos pagos, capacitando-os o máximo.[/size]

[size=15]Hierarquia dos Tutores de Cargos Pagos:[/size]

[T.Cp]
[V.TCp]
[L.TCp]

[size=15]Treinadores - Estrela rosa. Subtenentes acima podem participar. Responsáveis por realizar treinos diversos para o entretenimento e divertimento dos policiais e por realizar o treino de base.[/size]

[size=15]Hierarquia dos Treinadores:[/size]

[Trn]
[A.LTrn]
[V.LTrn]
[L.Trn]

Corregedoria - Sem estrela de identificação, apenas emblema e sigla na missão. Não há hierarquia, os corregedores utilizam a sigla [COR] na missão. A corregedoria é responsável por avaliar projetos, conceder permissões para promoções e resolver assuntos entre os policiais.

ARTIGO 05: Toda função extra e sub-função deve ter no máximo quatro auxiliares. Quando uma função ficar sem líder, o vice-líder deverá assumir, desde que esteja completamente preparado para suas maiores obrigações. Quando uma função extra e sub-função ficar sem líder e vice-líder ao mesmo tempo, o auxiliar mais antigo assume a liderança e o segundo auxiliar mais antigo assume a vice-liderança.

ARTIGO 06: Toda função deve possuir um estatuto interno, para adquirir conhecimentos e facilitar tudo entre os policiais.

ARTIGO 07: Policiais que ficar com três punições internas de acordo com a função, resulta em advertência escrita.


CAPÍTULO 15 - Reformados e Veteranos ®

ARTIGO 01: Os policiais reformados (Generais acima) são policiais que decidiram-se aposentar da Departamento DFH por um certo motivo.

ARTIGO 02: Os veteranos são policiais que possuem três anos ou mais de serviço prestado na Departamento DFH. Além disso, realizaram um excelente trabalho durante esse tempo e são considerados exemplares aos demais policiais.

ARTIGO 03: Os policiais reformados e veteranos possuem acesso às bases do Departamento DFH. O vestimento é livre, desde que esteja formal.

ARTIGO 04: Os policiais reformados e veteranos devem respeitar todos os policiais, do lado externo ou interno da base.

CAPÍTULO 16 - Fórum ®

ARTIGO 01: Todos os Cabos acima do Departamento DFH. deve, obrigatoriamente, possuir uma conta ativa em nosso fórum.

ARTIGO 02: É necessária que toda postagem no fórum seja feita corretamente, sem nenhum erro, seguindo o modelo de postagem completamente. Se possível, faça uma revisão antes de postar. Qualquer policial que postar incorretamente, poderá sofrer punições perante os membros do Recursos Humanos.

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum